Ruído no pneu. O que pode ser?

Já ouviu um ruído nos pneus do carro? Vamos explicar um pouco do que pode gerar ruídos vindos dos pneus e o que fazer para evitar.

Existem alguns fatores que podem causar ruídos vindos do pneu do carro, que vão desde características do produto em si, até determinadas avarias ou até mesmo estado de conservação do pneu, que podem gerar barulhos desconfortáveis.

Tipo de pneu impróprio: utilizar pneus voltados ao off-road em estradas de asfalto é um dos fatores que gera muito ruído. Além de desgastar os pneus de forma incorreta, ainda gera bastante barulho, pois o pneu tem um composto que não é próprio para rodar em asfalto.

Pneus com desenho de chuva: os pneus com banda de rodagem em formato de “V”, podem gerar maior ruído em alta velocidade devido ao formato da área de contato. Portanto, vale lembrar que ao se ganhar um desempenho melhor em pista molhada, pode-se perder um pouco de conforto por conta do ruído neste tipo de pneu.

Pneu com calibragem baixa: os pneus sem calibragem correta podem gerar mais ruído do que o normal, pois geram maior arrasto. Isso também prejudica o desempenho e o consumo do veículo.

Pneu com calibragem excessiva: a calibragem excessiva também pode gerar ruídos no pneu, e mais ainda no interior do carro, já que o carro fica mais duro e a absorção de impactos é menor, transmitindo-os à carroceria e aos ocupantes.

Usar pneus diferentes no carro: o uso de pneus diferentes num mesmo eixo, pode causar ruídos, já que cada pneu está exercendo uma função e possui uma qualidade de aderência diferentes na pista. Não é correto usar pneus diferentes no mesmo eixo, pois além de ruído, podem causar redução de eficácia nas curvas e frenagens.

Como escolher um pneu silencioso: para escolher um pneu silencioso e confortável, é importante atentar-se às características quando for comprar um pneu novo.

1 – Banda de rodagem: pneus que tenham banda de rodagem que possua ombros com pequenos cortes no desenho – esta característica é responsável por reduzir o ruído de rolamento. Nervuras sólidas e semi-sólidas também auxiliam a reduzir o ruído.

2 – Tipo de pneu: pneus de uso misto ou pneus off-road fazem mais barulho. Se você não utiliza o seu carro em estradas de terra, eles não são necessários, pois além de ruído, ainda oferecem desempenho inferior na maioria das situações de uso.

3 – Montagem: veja se o seu pneu está montado corretamente, pois pneus que possuem sentido obrigatório de rodagem, se forem montados invertidos, podem gerar alto ruído.

4 – Manutenção: calibragem, alinhamento e balanceamento também vão ajudar a não ter ruídos além dos normais do pneu que possui. Então, não se esqueça de manter em dia.

5 – Pneus mais macios: se um dos seus pontos de necessidade em um pneu, é buscar um modelo silencioso, opte sempre por aqueles mais macios. Geralmente são os modelos com o índice de treadwear mais baixo, o que significa que eles podem durar menos do que um pneu mais duro, mas sem dúvida serão pneus mais aderentes e silenciosos.

Agora que você já sabe o que pode causar barulho nos pneus e como escolher o melhor pneu para equipar o seu carro, é hora de entrar no site da PneuStore e escolher o que mais se adéqua ao que precisa.

 

 

Uma resposta para “Ruído no pneu. O que pode ser?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *