Dica de manutenção: Fluidos

Manutenção muito importante e às vezes esquecidas pelos proprietários é a dos fluidos. Entenda quando e por que trocar os principais fluidos do seu carro.

 

Para garantir o bom funcionamento dos principais componentes mecânicos do seu carro e garantir o desempenho e conservação do veículo, além de rodar com segurança, é muito importante ficar de olho na manutenção periódica, e além de peças que sofrem desgaste, é necessário lembrar dos fluidos que compõem cada sistema, pois eles sofrem alterações de características, seja pelo uso ou pelo tempo, e isso faz toda a diferença entre o bom e o mau funcionamento de uma máquina.

Cada fluido é diferente e cumpre funções diferentes, embora parecidas na maior parte dos componentes. Nessa diferença entre eles, também está a frequência em que se faz necessária a troca, e por alguns deles necessitarem de uma troca em tempos mais espaçados, acabam sendo esquecidos. Fizemos uma lista dos principais fluidos, pra você acompanhar no seu carro e não deixar mais que passem das datas corretas.

Óleo do Motor
Algo muito importante para manter as trocas de óleo em dia, é conhecer o seu carro. No manual, sempre constam as recomendações de troca, que deve ser feita sempre num determinado intervalo de quilometragem entre 5.000 e 10.000km ou 6 meses e 1 ano, dependendo da montadora, veículo e também do tipo de óleo utilizado, que você também encontra no manual.

O ideal é nunca ultrapassar o tempo ou quilometragem estipulados, e se possível, realizar a troca até mesmo um pouco antes, já que o óleo é contaminado pelo combustível e vai perdendo as propriedades com o passar do tempo e com a ação da temperatura dos componentes do motor.

O óleo é um dos principais responsáveis pela vida útil do motor e até mesmo pelo consumo de combustível, já que realiza toda a lubrificação das partes móveis do motor. Não se esqueça também de sempre realizar a troca do filtro de óleo, pois dentro dele fica acumulado óleo velho, e se não for substituído, irá contaminar o óleo novo imediatamente.

 

Fluido de Freio
O sistema de freios utiliza de um fluido, que preenche o sistema de mangueiras e acionamento, e este fluido suporta temperaturas elevadas, principalmente quando o sistema está sendo utilizado de forma mais severa. É recomendado substituir o fluido de freio entre 10 e 20 mil km, ou uma vez por ano. No manual do seu veículo você também pode encontrar indicações exatas de acordo com cada carro, além da indicação de fluido a ser utilizado.

 

Direção Hidráulica
Os sistemas de direção hidráulica utilizam um fluido que apesar de não sofrer com altas temperaturas, também precisa de cuidado. Sua substituição é entre intervalos mais longos, de cerca de 30 mil km ou 2 anos, em média. O importante é não esquecer dele, pois também tem função importante.

 

Câmbio
O sistema de transmissão utiliza um óleo mais grosso, que protege as engrenagens do atrito. É um sistema com baixíssima manutenção, e muitas vezes a recomendação é de que não seja feita a troca ao longo da vida do veículo. Em outros casos, pode ser necessária a troca a cada 120 mil km. Vale checar a indicação da fábrica do veículo, assim fica tranquilo com seu sistema de câmbio. Caso o câmbio seja automático, as manutenções podem ser mais frequentes.

Sistema de arrefecimento
O sistema de arrefecimento é preenchido por água e aditivos, e é fundamental para que o motor seja refrigerado corretamente. O aditivo é responsável por evitar a ebulição da água, lubrificar e proteger as peças internas da ferrugem e também evitar o congelamento. É importante lembrar que alguns veículos utilizam apenas aditivo, e nos que utilizam água, deve ser utilizada água desmineralizada, a fim de evitar a ferrugem.

 

Agora que você já sabe como começar a cuidar dos fluidos do seu carro, chegou a hora de conferir quando foi a última vez que realizou a manutenção, e então providenciar a próxima na hora certa, e manter o seu carro com tudo em ordem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *